Newsletter Semanal do Sistema FIESC  |  nº 242  |  16.11 até 23.11.2011  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
Sistema FIESC propõe a Mercadante projeto para o setor de TI


Presidente do Sistema FIESC, Glauco José Côrte, entregou projeto PLATIC II ao ministro de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aloizio Mercadante (Foto: Fernando Willadino)

O presidente do Sistema FIESC, Glauco José Côrte, entregou ao ministro de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aloizio Mercadante, o pedido de apoio para o projeto PLATIC II, voltado às empresas de tecnologia da informação e comunicação (TIC) do estado. A entrega ocorreu durante reunião com empresários, nesta sexta-feira (11), na sede da FIESC, em Florianópolis.

O projeto PLATIC II (Plataforma de Tecnologia da Informação e Comunicação de Santa Catarina) tem como objetivo principal o aumento da competitividade das empresas catarinenses de tecnologia. Contempla ações como capacitações especializadas, consultorias, análise de mercado internacional, a estruturação de um observatório dinâmico e a implementação de certificações específicas para as empresas do setor. Com isso o projeto pretende fomentar a inovação, ampliando a atuação nos mercados internos e externos.

Côrte afirmou que o ministro visita um estado em que o setor tecnológico já tem um peso significativo na economia, além de ser destaque nacional e líder em muitas áreas. "São cinco pólos que perpassam todo o território catarinense e contam com 1,6 mil empresas, quase 50 mil bons empregos e faturamento de mais de R$ 2,5 bilhões", disse.

Ele lembrou do compromisso das entidades do Sistema FIESC com a inovação, destacando que serão instalados seis institutos de tecnologia e um voltado à inovação. Por meio das instalações serão formados professores, gestores e consultores com foco em inovação. "Investiremos R$ 200 milhões até 2014", disse ele. Parte dos recursos são do próprio Sistema e outra parcela será financiada pelo BNDES.

Foxconn - Côrte também reiterou ao ministro o pedido do Sistema FIESC já realizado em outubro para que seja avaliada a possibilidade de Santa Catarina receber a fábrica de componentes de informática e telefones de alta tecnologia da taiwanesa Foxconn. "Temos pólos bem desenvolvidos e programas de incentivo. Queremos contar com o apoio do ministério para que Santa Catarina seja pelo menos visitada e avaliada", reforçou Côrte.

Em seu pronunciamento, o ministro afirmou que o setor privado é quem vai avançar na área de pesquisa e inovação no país e lembrou que a Confederação Nacional da Indústria (CNI) vem puxando esse movimento. Ele também defendeu que as empresas estrangeiras que se instalam aqui têm que trazer seus centros de pesquisa e desenvolvimento para cá. "Isso tem que ser uma exigência", disse. Mercadante defendeu ainda a obrigatoriedade de maior conteúdo local em diversos setores, como o automotivo. "Essa é uma visão necessária e indispensável para gerar empregos e produzir no país", declarou.

Sobre o PLATIC - O projeto PLATIC II será executado pela ACATE (Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia), gerenciado pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL/SC) e contará com o apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), da Fundação de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica do Estado de Santa Catarina (FAPESC), do SEBRAE/SC, além da contrapartida das empresas.

O PLATIC I, executado entre 2004 e 2008, teve a adesão de 49 empresas do setor de TIC, distribuídas nos três principais pólos tecnológicos do estado: Joinville, Florianópolis e Blumenau. Com a segunda etapa do projeto, pretende-se atender o dobro de empresas do setor e ampliar o número de pólos de tecnologia atendidos de 3 para 8, contemplando também Criciúma, Chapecó, Jaraguá do Sul, Lages e Rio do Sul.

A solicitação de recursos para execução do projeto ao ministro se deve a falta de editais públicos abertos que atendam aos requisitos do projeto.

Veja aqui todas as notícias

Workshop debate em Chapecó tendências na produção de alimentos

SESI inaugura Escola de Jovens e Adultos em Brusque

Design e inovação são estratégicos para a indústria

Geração Y exige readaptação de empresas e escolas

Risco de colapso da ponte Hercílio Luz é apresentado na FIESC

Vendas da indústria de SC têm queda em setembro

SESI Farmácia ganha Conceito Varejista em Blumenau

Celesc detalha plano de investimento em reunião na FIESC

FIESC faz balanço das principais ações da Câmara Tributária

Seminário mostra oportunidades do pré-sal para Santa Catarina

Logística reversa é tema de seminário

Veja aqui - Todas as notícias

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais

FIESC

SENAI

SESI

IEL

Prêmio FIESC de Jornalismo

e-Social





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun