Newsletter Semanal da FIESC  |  nº 445  |  20.01 até 27.01.2016  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
» Vendas da indústria catarinense acumulam queda de 12%

Entre janeiro e novembro do ano passado, o faturamento da indústria de Santa Catarina acumulou queda de 11,7%, na comparação com os 11 primeiros meses de 2014. Em novembro, a desaceleração nas vendas atingiu 15,2%, quando se contrapõe aos dados de novembro de 2014. As informações foram divulgadas pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) na sexta-feira (15).

Os segmentos que acusam as maiores reduções ao longo de 2015, até novembro, são os de confecção (-26,6%), alimentos (-21,1%) e veículos e autopeças (-16,3%). Outros 11 setores também informam queda nas vendas. No campo positivo estão os produtos diversos (12,8%) e produtos de madeira (7,2%).

Os indicadores de horas trabalhadas na produção, massa salarial real e utilização da capacidade instalada também estão negativos na comparação entre novembro de 2015 e novembro de 2014, registrando quedas de 7,9%, 6,8% e 3,3 pontos percentuais, respectivamente.

Brasil - Segundo levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI), também divulgado na sexta-feira, o setor industrial brasileiro acumula redução de 8,2% no faturamento nos 11 primeiros anos de 2015, na comparação com o mesmo período de 2014. Na mesma base, também estão negativos os indicadores de horas trabalhadas na produção (-10,1%) e massa salarial real (-6,1%).

Produção - Dados apurados pelo IBGE mostram que a produção industrial catarinense caiu 4,8% em novembro, na comparação com novembro do ano anterior, e acumula redução de 7,5% nos 11 primeiros meses, quando comparados ao mesmo período de 2014. A desaceleração é inferior à registrada pela indústria nacional, que produziu 12,4% a menos em novembro e 8,1% a menos no acumulado do ano.

Atividade econômica - O Índice de Atividade Econômica Regional de Santa Catarina (IBCR-SC), calculado pelo Banco Central, apresentou resultado negativo de 3,40% na comparação entre novembro de 2015 e novembro de 2014. No acumulado do ano, se comparado com o mesmo período de 2014, o índice caiu 2,44%. O Banco Central utiliza para o cálculo do IBCR o comportamento dos setores: agropecuária, indústria, comércio e serviços.

Faça o download dos estudos da FIESC, CNI, IBGE e Banco Central.

Confira o resultado da balança comercial de Santa Catarina em 2015.

Veja aqui todas as notícias

Opinião: Transbordou, por Glauco José Côrte, presidente da FIESC

SENAI oferece 7 mil vagas para cursos em Santa Catarina

Confiança dos industriais na economia cai seis pontos

Abertas inscrições para missões à Alemanha e à Itália

» Vendas da indústria catarinense acumulam queda de 12%

Veja aqui - Todas as notícias

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais

FIESC

SENAI

SESI

IEL

Prêmio FIESC de Jornalismo

e-Social





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun