Newsletter Semanal da FIESC  |  nº 458  |  20.04 até 27.04.2016  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
FIESC aposta no potencial da indústria da saúde em SC


Segundo o presidente da Câmara, Luiz Gonzaga Coelho, este é um mercado que demanda e exige competência e confiança. (Foto: Heraldo Carnieri)
O desenvolvimento de polos industriais baseados nas melhores experiências internacionais, a valorização das cadeias de valor já existentes e a busca de parcerias tecnológicas e investidores. Estas são algumas das metas da Câmara de Desenvolvimento da Indústria da Saúde, lançada na quinta-feira (14) pela Federação das Indústrias de Santa Catarina. Segundo o presidente da Câmara, Luiz Gonzaga Coelho, este é um mercado que demanda e exige competência e confiança, no qual Santa Catarina, pelos seus índices de desenvolvimento, tem grande potencial de crescimento. "A qualidade de vida tem relação direta com a qualidade do produto", afirmou.

No encontro foi definido o grupo de trabalho que irá sugerir uma agenda de atividades para a Câmara. Ele é composto por representantes das empresas Braspharma, Condor Internacional, Pixeon e ePHealth, além da Fundação CERTI e da própria FIESC. No total, a Câmara conta com a participação de representantes de 14 indústrias e três entidades de classe.

A indústria da saúde é um dos 16 setores apontados como prioritários no Plano de Desenvolvimento Industrial Catarinense (PDIC 2022), que está em fase final de elaboração. Após análise do cenário atual e das perspectivas do segmento no Estado, especialistas e industriais elaboraram uma rota de crescimento setorial, que indicou as principais iniciativas a serem tomadas pelos setores público e privado até 2022. Uma das funções da Câmara é acompanhar a execução destas ações.

"Entendemos que este é um setor-chave para o desenvolvimento de nossa indústria e para a agregação de valor na cadeia industrial do Estado", afirmou o diretor de Desenvolvimento Institucional e Industrial da FIESC, Carlos Henrique Ramos Fonseca.

Cenário atual - Segundo dados apresentados na reunião, a indústria catarinense da saúde arrecadou em 2014 R$ 422,7 milhões em tributos estaduais, com maior participação dos subsegmentos de instrumentos e materiais (58%) e produtos farmacêuticos (32%). No mesmo ano, o nível de emprego do setor registrou alta de 12%, para 5.767 postos de trabalho. Os principais produtos exportados no setor no ano passado foram os instrumentos médicos (59%), os produtos odontológicos (11%) e as bandagens (11%).

Veja aqui todas as notícias

FIESC aposta no potencial da indústria da saúde em SC

Drauzio Varella abre 1ª Virada da Saúde em Florianópolis

Boa gestão é essencial para melhorar a qualidade da escola

FIESC anuncia nova unidade do SESI e SENAI em Ibirama

» Seminário aborda oportunidades entre SC e Paraguai

» Abertas inscrições para o seminário de inovação em turismo

» Corrida do Bem em Lages reúne mais de 450 competidores

» Mercado livre de energia é tema de encontro na FIESC

» Na ALESC, FIESC apresenta Dia da Família na Escola

» Encontro em Florianópolis reúne secretários executivos

Veja aqui - Todas as notícias

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais

FIESC

SENAI

SESI

IEL

Prêmio FIESC de Jornalismo

e-Social





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun