Newsletter Semanal da FIESC  |  nº 485  |  26.10 até 02.11.2016  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
Evento do SENAI em Lages desperta para indústria 4.0

O SENAI/SC, entidade da FIESC, realiza em Lages (nesta quarta, 26) mais uma edição do Despertar 4.0, evento que tem o propósito de sensibilizar empresários e trabalhadores catarinenses para a nova onda da Revolução Industrial. Em Rio do Sul o evento foi realizado na terça, 25. No encontro será apresentado os desafios e oportunidades que são trazidos por este recente fenômeno econômico e social, que ganha denominações como indústria 4.0, internet industrial, indústria avançada ou manufatura avançada. As atividades previstas incluem palestra do diretor regional do SENAI/SC, Jefferson de Oliveira Gomes, um dos principais experts brasileiros sobre o tema. Também serão realizados cursos especiais destinados a trabalhadores com 40 anos ou mais, adolescentes e mulheres. Com vagas limitadas, as atividades são gratuitas e não requerem conhecimento prévio sobre os temas abordados.

Segundo Jefferson Gomes, este fenômeno "tem por base a hiperconectividade, a inteligência artificial, o elevado grau de digitalização e de sensoria­mento, o avanço do big data, entre outros, cuja associação permitirá customização em massa de produtos, mudança na forma e pa­drão de consumo e possibilidade de pro­dução em casa". O principal fator de estímulo ao seu desenvolvimento é a redução dos custos de processamento, armazenamento e transmissão de dados. Até 2020, mais de 50 bilhões de objetos - ou sete vezes a população mundial - estarão interconectados, promovendo negócios estimados em 32 trilhões de dólares. Mais relevante que o volume de recursos movimentados, entretanto, é que esta hiperconectividade está modificando a sociedade e a economia, permitindo rapidez e eficiência na tomada de decisões.

Exemplo prático dessa nova realidade está nos aplicativos de orientação de trânsito dos smartphones. Com inúmeros usuários acessando on line (hiperconectividade), o serviço colhe informações sobre o trânsito nas diversas vias (sensoriamento e big data) e toma decisões calculadas a partir das variáveis (inteligência artificial) ao sugerir a melhor alternativa de trajeto para cada usuário (customização). "Para a indústria resta o desafio de aplicar tecnologias e modelos semelhantes", afirma Jefferson. "As decisões passam a ser tomadas sem a participação humana e a partir apenas da conexão entre máquinas, plantas fabris, matérias-primas e o produto final (estes dotados de sensores e transmissores) e o consumidor. O ato de abrir uma embalagem dá o comando instantâneo para a produção de nova unidade", acrescenta.

Na opinião de Gomes, as novas tecnologias promoverão profundas mudanças no mercado de trabalho. "Sessenta e cinco por cento das crianças de hoje atuarão em profissões que hoje não existem", afirma. Ele destaca ainda que o novo modelo exigirá mudanças na legislação trabalhista, flexibilizando aspectos como o trabalho conjunto de homens e máquinas - dado o crescimento esperado da presença de robôs colaborativos - e terceirização. "Uma máquina poderá prever até mesmo a hora em que vai apresentar uma pane. Pode ser, por exemplo, numa madrugada e, cinco minutos antes o técnico de manutenção chegará para realizar o serviço. Ele não precisará estar em tempo integral na empresa, nem ter contrato fixo", diz. A respeito da robotização, Gomes salienta que ela vem avançando intensamente, também devido à redução dos custos. "Aquelas funções que não queremos para nossos filhos, serão realizadas por máquinas", prevê.

DESPERTAR 4.0

Em Lages, o início está previsto para às 14 horas de quarta, com os minicursos para mulheres e adolescentes. Às 19 horas se iniciam a palestra Entendendo a indústria avançada e o minicurso para pessoas com 40 anos ou mais.

Saiba mais:

MULHERES NA TECNOLOGIA
Oferecido exclusivamente para mulheres que querem entender, aplicar ou empreender as novas tecnologias - no caso, produção de aplicativos para smartphones. Este momento criativo e prático proporcionará o desenvolvimento de tecnologias. Adicionalmente, serão apresentados conceitos de Internet das Coisas, exemplificando como esta já está inserida no cotidiano de muitas pessoas.

TEEN + TECH
Aos jovens que querem conhecer a robótica, este momento apresentará conceitos introdutórios do tema, permitindo que o aluno participe de uma competição de robôs.

DESPERTANDO PARA TECNOLOGIA 40+
Dedicado a pessoas com 40 anos ou mais, que desejam entender e aplicar conceitos introdutórios de tecnologias. O objetivo é promover a familiarização deste público com as tendências do mercado de trabalho.

ENTENDENDO A INDÚSTRIA AVANÇADA
Empresários, gestores, profissionais de RH, técnicos e demais interessados poderão compreender os impactos e possibilidades da Indústria Avançada nos negócios e na carreira. Será realizado um debate colaborativo com Jefferson de Oliveira Gomes - diretor regional do SENAI, professor do ITA e consultor da UNESCO no assunto - sobre os desafios e oportunidades desta nova realidade, seguido de discussões em mesas temáticas.

 

Data: 26 de outubro de 2016
Local: SENAI Lages (rua Archilau Batista do Amaral, 745 - Universitário)
Eventos gratuitos.

 

Mais informações no site: http://sc.senai.br/iniciativa/despertar40

Veja aqui todas as notícias

Especialistas do Brasil, Chile e Colômbia debatem educação

Campanha Moto pela Vida busca redução de acidentes em SC

FIESC e EMBRAPII realizam seminário sobre inovação

Evento do SENAI em Lages desperta para indústria 4.0

» FIESC e Unisul assinam acordo de cooperação

» Jogos do SESI reúnem 1,4 mil trabalhadores da indústria

» Movimento SC pela Educação traça estratégias em reunião

» "Educação está desconectada da produtividade", diz Barros

» Côrte defende que a educação esteja na agenda da indústria

» Início da recuperação da economia será em 2017

» Confiança do industrial tem ligeira queda em outubro

» SENAI/SC lança cursos focados em indústria avançada

» Comdefesa debate fiscalização de produtos controlados

» Economia brasileira dá os primeiros sinais de recuperação

» Saúde e segurança são debatidos em Criciúma

» Indústrias de SC disputam prêmio nacional de estágio

» FIESC debate inclusão de pessoas com deficiência

Veja aqui - Todas as notícias

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais

FIESC

SENAI

SESI

IEL

Prêmio FIESC de Jornalismo

e-Social





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun