Newsletter Semanal do Sistema FIESC  |  nº 265  |  16.05 até 23.05.2012  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
SESI apresenta projeto para ampliar complexo esportivo de Blumenau


Maquete eletrônica do projeto
O presidente do Sistema FIESC, Glauco José Côrte, apresentou na segunda-feira (15) ao prefeito de Blumenau, João Paulo Kleinubing, e à Associação Empresarial de Blumenau (ACIB) o projeto para ampliar a capacidade do Complexo Esportivo Bernardo Werner, do SESI, no município. Ele prevê acrescentar arquibancada coberta para 4,8 mil pessoas e ginásio de ginástica olímpica com infraestrutura necessária para sediar eventos de âmbito nacional. "A viabilização da obra permitirá receber uma grande variedade de eventos, inclusive a aclimatação dos países participantes dos Jogos Olímpicos de 2016. Mas isso vai depender da captação de recursos por meio da Lei de Incentivo ao Esporte", diz Côrte.

O projeto prevê duas etapas de obras, sendo que na primeira a capacidade das arquibancadas cobertas sobe em 2,4 mil lugares até 2014. Esta fase também prevê a construção de um ginásio para ginástica artística. A segunda etapa, a ser realizada depois de 2014, prevê outros 2,4 mil lugares de arquibancada coberta, com orçamento de R$ 8 milhões.

Entre as próximas etapas estão a realização de reunião com o ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, para apresentar o projeto. Conforme Côrte, dentro de dois meses deve ser concluído o projeto para captação de recursos. "Esta etapa ainda é responsabilidade do Sistema FIESC. Quando isso estiver concluído, as lideranças da região precisam se envolver na captação dos recursos", informa. 

"Os estudos realizados indicam que a Lei de Incentivo é a melhor opção porque Santa Catarina não é prioridade para a Copa 2014 e a alternativa de emenda parlamentar foi descartada pois é indicada apenas para áreas públicas", diz o superintendente do SESI/SC, Hermes Tomedi.

Ele lembra que o Complexo Esportivo está credenciado para a Rio 2016 e pode receber delegações que participarão dos jogos na fase de aclimatação.

"O projeto atende diversas modalidades, como atletismo, ginástica artística, rúgbi, além do futebol. Temos diversos diferenciais, como a possibilidade de oferecer um ambiente tranquilo para os atletas, além de pista de atletismo com certificado internacional classe 2. Poucos lugares no país reúnem as condições que temos aqui. Por isso consideramos muito provável que alguma delegação importante opte por Blumenau para a aclimatação nas Olimpíadas 2016", afirma.

A pista de atletismo do Complexo Esportivo foi certificada no começo de abril pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) como classe 2, o que permite realizar até competições sul-americanas.

Veja aqui todas as notícias

Empresários de SC encerram missão à feira internacional

SESI apresenta projeto para ampliar complexo esportivo de Blumenau

FIESC defende fortalecimento da Agesc

Exportação de Santa Catarina acumula alta de 8% até abril

Parceria beneficia indústrias de SC

Têxteis buscam a certificação ambiental voluntária

Deputado Ronaldo Benedet recebe agenda do setor têxtil

Vendas da indústria catarinense têm alta de 13% no trimestre

Empresários debatem sobre retenção de pessoas

Evento reúne cases de aprendizagem industrial em SC

Missão empresarial à Turquia tem inscrições abertas

Mostra na Alesc apresenta a estrutura do Sistema FIESC no Estado

FIESC promove encontro de negócios entre Santa Catarina e Itália

Brasil Foods inaugura restaurante in company do SESI

Espanhóis conhecem modelo de associativismo do setor de TI

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun