Newsletter Semanal do Sistema FIESC  |  nº 291  |  14.11 até 21.11.2012  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
» FIESC encerra missão ao Oriente Médio


Grupo catarinense foi buscar referências na cidade sustentável de Abu Dhabi, a Masdar City (Foto: divulgação Fiesc)

Projetos arquitetônicos arrojados, métodos construtivos diferentes dos desenvolvidos no Brasil, inovação e planejamento foram alguns dos destaques observados pelo grupo de empresários catarinenses que visitou canteiros de obras em Doha, no Catar, Dubai e Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. A missão da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) à região, apoiada pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira, se encerrou na sexta-feira (9). O líder do grupo, o empresário Marco Antonio Corsini, afirmou que o aprendizado irá ajudá-los a inovar nos projetos.

"Entre o que está sendo construído aqui em obras públicas, escritórios ou residências, surpreende a inovação, o diferente, o que é atraente. O que vimos em Masdar City (cidade sustentável em construção em Abu Dhabi) mostra o que se pode fazer em construção civil em favor da sustentabilidade", disse.

Em Doha, eles visitaram o canteiro de obras da Qatar University e conheceram a Cidade da Educação, o Pérola e o Lisail, bairros que estão sendo construídos a partir do zero. Na capital do Catar, também se reuniram com o diretor geral da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), Sidney Alves Costa, e com engenheiros das empreiteiras OAS e Odebrecht, que participam de licitações no país.

Em Dubai, eles tiveram um encontro com o dono da construtora Engeprot, o brasileiro Omar Hamaoui, que lhes falou sobre legislação e contratos locais e participaram do seminário "Invest & Trade in Brazil" promovido pela Câmara Árabe e pela editora CPI. Eles também visitaram a feira de construção civil Big 5.

"A realidade é diferente da nossa, mas pode ser aplicada em parte. Ficamos surpresos de ver o planejamento com que as obras públicas são executadas e a qualidade delas. Até os elevados que são feitos aqui são construídos com atenção à estética", disse Corsini.

O empresário observou, porém, que nem tudo é melhor do que o que é feito no Brasil. Os canteiros de obras em Doha, por exemplo, não são tão organizados quanto os brasileiros e os resíduos das obras também não recebem o cuidado necessário, exceto na Masdar City onde são reutilizados nas construções.

"Tenho certeza de que alguma coisa de tudo o que vimos aqui será empregada por nós. Seja o uso de outro material, seja um método construtivo, seja um procedimento diferente daquele que adotamos hoje", afirmou.

Com informações da Agência de Notícias Brasil-Árabe (www.anba.com.br)

Veja aqui todas as notícias

Eventos regionais ampliam Movimento a Indústria pela Educação

FNQ reconhece excelência no atendimento do SESI

FIESC e governo de SC visitam montadora Geely, na China

IEL/SC oferece 240 vagas de estágio em todo o Estado

» Esporte Cidadania faz mais de 20 mil atendimentos

» Missão da FIESC embarca para feira de tecnologia na China

» Empresa de Jaraguá se transforma em fábrica de campeões

» Encontro na FIESC mostra oportunidades na Holanda

» FIESC encerra missão ao Oriente Médio

» Trabalhadores-atletas reconhecem função social do esporte

» FIESC promove feira e congresso de energia em Joinville

» SESI participa de seminário sobre Responsabilidade Social

» FIESC realiza reunião da Câmara Tributária em Chapecó

» Sindicatos e SENAI Criciúma recebem inscrições para curso

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun