Newsletter Semanal da FIESC  |  nº 419  |  01.07 até 08.07.2015  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
» BID destinará US$ 180 mil para pesquisas educacionais


Encontro ocorreu na sede da FIESC na quinta-feira (25). (Foto: Filipe Scotti)
O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) realizaram na quinta-feira (25) encontro para dar início às pesquisas educacionais previstas em acordo de cooperação firmado com o BID em 2014. A instituição destinará US$ 180 mil (não reembolsáveis) para financiar pesquisas que identificarão competências e habilidades do profissional requeridas pelo mundo do trabalho e que analisarão o impacto da educação voltada a jovens e adultos que não concluíram o ensino básico em Santa Catarina. O trabalho, que será conduzido pela Fundação Getúlio Vargas, tem parceria da Secretaria de Estado da Educação.

De acordo com o presidente da FIESC, Glauco José Côrte, o trabalho alimentará e retroalimentará os processos das entidades da Federação. "As habilidades que os estudantes adquirem durante a educação básica parecem estar desconectadas das habilidades relevantes para uma trajetória profissional e acadêmica bem-sucedida e longe, também, das habilidades requeridas pela indústria", argumentou Côrte em documento que a FIESC propôs o estudo ao BID.

Durante o encontro, o consultor do Banco Interamericano, João Marcelo Borges, citou pesquisa semelhante realizada em São Paulo e que apontou a escassez de profissionais que desenvolvem habilidades sociais e emocionais - como colaboração, criatividade e inovação. "Em Santa Catarina, vamos mapear as múltiplas ofertas das entidades da FIESC e do governo do Estado em relação ao ensino médio articulado com a educação profissional e de jovens e adultos. Dessa forma, pretendemos identificar as lacunas entre a aprendizagem e o mundo do trabalho", esclareceu.

As pesquisas financiadas pelo Banco verificarão se as competências e habilidades desenvolvidas pelo jovem que cursa o ensino médio público estadual e faz um curso profissionalizante atendem às exigências do mercado de trabalho. Outro estudo analisará a eficácia e o impacto da oferta de educação para jovens e adultos trabalhadores da indústria, além da possibilidade de disseminar essa formação à população com escolaridade básica incompleta - inserida ou não no mercado de trabalho.

Veja aqui todas as notícias

Investimento em energia ajuda a enfrentar a crise

Mudança na desoneração agravará dificuldades, avalia indústria

Brusque adere ao Programa Novos Caminhos

Evento na FIESC debate qualidade e segurança dos alimentos

» Câmaras e Comitês da FIESC têm reunião de alinhamento

» Jaraguá do Sul implanta Câmara Regional de educação

» FIESC reúne mais de 700 pessoas em São Miguel do Oeste

» Rodada de negócios reúnem micro, pequenas e médias

» Rede SENAI de Alimentos e Bebidas se reúne na FIESC

» IEL/SC participa de ciclo de palestras do MCE

» BID destinará US$ 180 mil para pesquisas educacionais

» Cuidar da saúde do trabalhador é investimento

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun