Newsletter Indústria em Ação  |  nº 03  |  5/06 a 18/06  |  FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA
LAC deve ser ampliada para transporte de produtos perigosos

Em reunião da Câmara de Sustentabilidade da FIESC, o presidente do Instituto do Meio Ambiente (IMA), Valdez Rodrigues Venâncio, informou que nessa semana a instituição está finalizando o estudo da emissão de Licença Ambiental por Compromisso (LAC) para transporte de produtos perigosos, medida que possibilita a liberação de 12 a 16 servidores que fazem essa análise e poderão trabalhar no licenciamento geral. "Estamos em fase de estudo e acreditamos que no máximo em 180 dias teremos a análise completa para autodeclaração de Renovação Ambiental de Operação para várias atividades que sejam padrão", adiantou, salientando que o órgão vai concentrar esforços em auditoria e fiscalização.

"A LAC é uma boa notícia. Acredito que o IMA está no caminho certo. Com a autodeclaração os técnicos podem ir a campo avaliar o que está sendo bem feito e cobrar o que não está certo", afirmou o presidente da Câmara, José Lourival Magri.

Ainda no encontro, realizado nesta terça-feira (4), em Florianópolis, o IMA lançou a 21ª edição do Prêmio Fritz Müller, que reconhece em 15 categorias empresas e organizações que desenvolvem projetos voltados à preservação do meio ambiente. O nome da honraria é uma homenagem ao famoso naturalista alemão Johann Friedrich Theodor Müller, que viveu em Blumenau por 45 anos. Estudioso do meio ambiente e precursor da ecologia, Fritz Müller foi aclamado como príncipe dos observadores da natureza. Clique aqui e saiba como se inscrever.

Outro tema abordado na reunião foi o Sistema de Monitoramento Ambiental (SIMA). Iniciativa que está em elaboração e foi possível a partir de convênio firmado entre o IMA e a Associação dos Laboratórios Ambientais de Santa Catarina (Alasc) para informatização de condicionantes ambientais. O objetivo é fornecer um sistema para a geração e gestão dos relatórios dos programas de monitoramento ambiental que possibilite a criação de bancos de dados específicos, bem como a geração de relatórios gerenciais, o que vai permitir o monitoramento e controle do ar, solo e da água no estado. "É uma ação muito importante para a indústria porque agiliza e desburocratiza. É uma agenda que a FIESC vem defendendo há muito tempo", afirmou Magri.

Veja aqui todas as notícias

Confederações empresariais entregam carta a Bolsonaro em apoio à reforma da Previdência

LAC deve ser ampliada para transporte de produtos perigosos

Conheça os cursos gratuitos para indústrias e sindicatos do setor

Sintex assina manifesto em defesa dos incentivos fiscais para o comércio exterior

» Na FIESC, sindicatos de indústria são homenageados

» Dia do Meio Ambiente: setor produtivo atento à questão

» Indústrias do Planalto Norte debatem temas do setor florestal

» 73% das empresas têm interesse em aplicar nanotecnologia

» Sinduscon Oeste conclui planejamento estratégico 2019-2023

» Em Lages, oficina esclarece regime especial drawback

» Sinplasc participa de evento com ministro de Minas e Energia

» FIESC apresenta o potencial de SC no Fórum Brasil-França

» Abertas inscrições para missões à Colômbia e ao Paraguai

Facebook Twitter Linkedin Flickr

Observatório

Indústria e competitividade

Guia da Indústria FIESC

Saiba mais





Federação das Indústria do Estado de Santa Catarina

Departamento Regional - Fone 48 3231 4100

Rod. Admar Gonzaga 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001

Gerência de Comunicação

Institucional:Elmar Meurer

Edição:Filipe Scotti e Dâmi Radin

Reportagem:Dâmi Radin, Elida Ruivo, Ivonei
Fazzioni e Gabrielle Bittelbrun